domingo, 31 de agosto de 2014

Sonhos


SONHOS
Efigênia Coutinho (Mallemont)

Quando tiver um sonho,construa um altar:
um espetacular altar de rua
que lhe couber em sorte no ato de amar
ainda que imperfeito à luz da Lua!

Quando você sonhar, construa um caminho
de saibro ou granito, pouco importa!,
onde a Lua possível seja o linho
dum telhado com janelas e uma porta!

Não há sonho que dure eternamente,
perdemos um-a-um, sem grande esforço,
sorrimos à deriva pela mente
que nos atrai o pólo ou o seu dorso.

Somos fiéis ao amor pra nosso mérito
porque nele encontramos o que é feérico...

Camboriú,25-10-2003

3 comentários:

marcia disse...

Efigeina,às vezes, tem sonhos que sem que percebamos adormecem e um dia... acordam em linda poema.......Te abraço

Eduardo Aleixo disse...

Sonho com casa e porta e janelas e um camibnho. Que vá dar ao sol ao sorriso.
Abraço.

Eduardo Aleixo disse...

Sonho com casa e porta e janelas e um caminho. Que vá dar ao sol e ao sorriso.
Abraço.